Saúde

Secretaria Estadual de Saúde busca melhor qualidade de vida a idosos

A Secretaria de Estado de Saúde visando garantir o bem estar e a saúde do idoso realiza, em parceira com o Conselho de Convivência do Idoso (CCI), amanhã, a partir da 07:30hs, no Parque Mãe Bonifácia, várias atividades que visam dar ao idoso informações para melhorar sua qualidade de vida. Hoje está sendo comemorado o Dia Nacional do Idoso com o tema “Respeitar o Idoso é respeitar a vida”.

Farão parte da festividade os três centros de convivências do Idoso da capital que são, Aidee Pereira do Nascimento, Pe. Firmo Pinto Duarte Filho e Drª Maria Ignês França Auad, além de familiares, médicos, fisioterapeutas, assistentes sociais e amigos.

Para amanhã (24) estão programadas atividades físicas, danças, aferição de pressão, avaliação do Índice de Massa Corpórea, explicações sobre alimentação
saudável, testes de glicemia e orientações sobre o controle do colesterol. “A melhor maneira de levar a informação sobre a prevenção em Saúde é com a
realização de atividades para chamar a atenção dos usuários. Datas como essa são muito importantes, os idosos merecem uma atenção especial”, disse a técnica da Assessoria de Educação em Saúde, Cecília Sintra.

Cecília Sintra explica que essas ações pontuais servem para dar continuidade aos serviços prestados pela Saúde tanto para o Idoso como para todos os
usuários do Sistema Único de Saúde que é o de sempre levar informação a toda população sobre as formas de prevenção de doenças e de como levar uma vida com
qualidade. “Esta ação de cidadania e de humanização em atenção à saúde do idoso é uma das metas da Ses”, enfatizou ela.

Este tipo de evento em atenção à saúde do idoso tem como intuito resgatar a alto estima, pois com isso eles se sentem reintegrados na sociedade. Dentro da
programação acontecerá também uma caminhada considerada uma das práticas mais saudáveis para prevenir doenças que surgem na terceira idade. “Vale ressaltar
que todas as atividades serão orientadas por profissionais especializados e serão realizados alguns exames antes do inicio das práticas para verificação da resistência de cada participante”, ressaltou a técnica da Ses.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelam que, entre 1950 e 2025, a população de idosos crescerá dezesseis vezes contra cinco da população em
geral, resultado que conclui que, pela primeira vez na história, existirão mais pessoas com idade acima de 60 anos. Atualmente, Cuiabá possui cerca de 30
mil idosos.

O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Comdipi) é o órgão condutor e fiscalizador das ações relativas à Política Nacional do
Idoso, criado pela lei municipal nº 3.162 de 16 de julho de 1993. O Conselho tem sua sede junto a Secretaria Municipal de Bem Estar Social, à Rua Régis
Bittencourt, número 384, no bairro do Porto, em Cuiabá.