quinta-feira, 23/maio/2024
PUBLICIDADE

Nortão: médicos mantém greve e aguardam decisão do governo

PUBLICIDADE

Os 44 médicos do hospital regional de Colíder (160 km de Sinop) completam hoje uma semana em greve e esperam proposta do governo estadual para regularizar pagamento de pendências salariais – título de interiorização (complementação salarial) e de plantões, atrasados desde julho. De acordo com o diretor clínico da unidade, Marcelo Sanson, já houve um posicionamento da Secretaria Estadual de Saúde, porém, informal.

“Na sexta-feira, o secretário passou a posição de que o repasse seria feito, mas não integralmente”, explicou ao Só Notícias. “Seria repassado primeiro para o consórcio [intermunicipal de saúde] para depois chegar até nós”, acrescentou.
Os valores a serem pagos variam para cada especialidade. Agora é aguardada confirmação da proposta.

Enquanto isto, apenas 30% dos trabalhos continuam mantidos, com atendimentos de urgência e emergência. Conforme Só Notícias informou, o Hospital Regional de Colíder (que recebe moradores de várias cidades do Nortão em sistema de consórcio) faz, atualmente, cerca de 2,5 mil atendimentos (em média) por mês.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Nova Mutum define novo local para posto de coleta de exames

A prefeitura de Nova Mutum locou novo prédio comercial...

MT Hemocentro realiza encontro estadual sobre conscientização da doação de medula óssea

O MT Hemocentro, unidade especializada administrada pela secretaria estadual...

Nova Mutum define aquisição de nova remessa de produtos para fisioterapia na rede pública

A prefeitura definirá a aquisição de materiais, via processo...
PUBLICIDADE