quarta-feira, 22/maio/2024
PUBLICIDADE

Hospital do Câncer de MT recebe equipamentos mais modernos

PUBLICIDADE

A parceria governo do Estado, Hospital do Câncer de Barretos (HCB) e iniciativa privada começa a render os primeiros benefícios. O governador Silval Barbosa recebeu em audiência na tarde de hoje, no Palácio Paiaguás, o diretor presidente do Hospital do Câncer de Barretos, Henrique Prata, que anunciou a chegada de parte dos equipamentos do Projeto Diagnóstico Precoce de Câncer. “Os equipamentos chegam até dezembro”, afirma.

“A importação dos equipamentos é resultado da parceria Governo do Estado, Hospital do Câncer de Mato Grosso, que vai possibilitar a realização de diagnóstico de câncer dentro de um conceito novo, moderno aqui em Cuiabá”, disse o presidente. Segundo ele, o governador Silval Barbosa demonstrou interesse que esse projeto desenvolva ainda mais.

Henrique Prada disse que o HCB está em busca de mais recursos focado em ajudar a oncologia em Mato Grosso. “Queremos fazer parceria em tudo. Colocar a nossa capacidade tecnológica e humana à disposição”. O Estado está realizando a reforma e construção para instalação desses equipamentos.

A preocupação do Hospital do Câncer de Barretos em desenvolver a oncologia em Mato Grosso é aumentar o atendimento e aqui se faça o tratamento de alguns tipos de câncer e aqueles ainda no início. Com isso vai diminuir a demanda no Hospital de Barretos. Em Mato Grosso também serão atendidos pacientes de outros estados como do Acre.

Os equipamentos são de última geração, em HD (digital), que só se encontra na iniciativa privada e agora vai estar na rede do SUS para atender toda a população. Em termos de comparação, Henrique Prada disse que um equipamento desses, de linha analógica, custa em torno de U$ 70 mil, enquanto o HD custa U$ 400 mil. A diferença de diagnóstico para detectar a doença no início é o melhor começo para o tratamento.

Henrique Prata disse que esse projeto é um embrião. A parceria atual tem a participação do Serviço ocial da Indústria (Sesi) e Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira do Estado de Mato Grosso (Cipem) e no futuro deve participar a Avon entre outras.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

MT Hemocentro realiza encontro estadual sobre conscientização da doação de medula óssea

O MT Hemocentro, unidade especializada administrada pela secretaria estadual...

Nova Mutum define aquisição de nova remessa de produtos para fisioterapia na rede pública

A prefeitura definirá a aquisição de materiais, via processo...

Mais de 3,3 mil animais foram vacinados na campanha antirrábica em Sinop

A equipe do Centro de Combate às Endemias informou...
PUBLICIDADE