Saúde

Estrutura para 10 leitos de UTI em Sinop será inaugurada hoje

Um número incalculável de pessoas já morreu em Sinop por falta de UTI – Uindade de Terapia Intensiva-. Vítimas de acidentes de trânsito e pessoas que tiveram seu quadro de saúde agravado acabaram falecendo em Sinop, ou quando eram levadas a Cuiabá, por falta de UTI. Um passo importante está sendo dado para suprir esta que era uma uma das grandes deficiências de Sinop na área de saúde. A estrutura para 10 leitos de UTI está pronta e será inaugurada esta tarde. A obra, 463m², construída no Hospital Santo Antonio, é fruto de uma parceria com benfeitores da Alemanha. Cerca de R$ 700 mil foram investidos.

O próximo passo é equipar as UTIs com os equipamentos que devem custar cerca de R$ 1 milhão. A administração do hospital prevê que dentro de 60 dias os pacientes que necessitarem de tratamento intensivo já possam ser atendidos nos leitos, pois a Secretaria Estadual de Saúde estará encaminhado os equipamentos.

Dessa forma todos os atendimentos serão pelo SUS (Sistema Único de Saúde) e um ou dois leitos serão disponibilizados para pacientes conveniados a planos de saúde.
Hoje, os pacientes da região Norte do Estado que necessitam desse tipo de atendimento, têm que ser encaminhados para o Hospital Regional em Sorriso (80km de Sinop) ou para Cuiabá. O único tipo de atendimento disponível nessa área, são dois leitos de estabilização instalados no Pronto Atendimento de Sinop.

Nesses, um médico estabilizador acompanha o paciente até que seja encaminhado para uma UTI. Diferente do médico que atende em um leito de UTI, é um médico intensivista que acompanha o paciente até sua recuperação total.

Conforme Só Notícias já informou, devem participar da solenidade de inauguração o cônsul honorável da República Federal da Alemanha, Eike Kramm, o idealizador do Hospital Santo Antonio, médico alemão Josef Wennemann, o secretário Estadual de Saúde, Marcos Henrique Machado, o prefeito de Sinop, Nilson Leitão, o secretário Municipal de Saúde, Helder Umburanas e demais lideranças.