Saúde

Chegam em Mato Grosso novas remessas com mais de 113,9 mil doses da Janssen e CoronaVac

Chegaram esta manhã, no aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, as duas novas remessas com 22.850 doses da Janssen e 54,8 mil doses da CoronaVac para a imunização dos grupos prioritários da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid. Até o momento, Mato Grosso já recebeu mais de 1,6 milhão de doses de imunizantes contra a doença.

Conforme a assessoria, a vacina Janssen deve ser aplicada como dose única em pessoas entre 55 e 59 anos. Os imunizantes da CoronaVac devem ser aplicados em lactantes. Para as doses da Pfizer, a recomendação do Estado é de que sejam utilizadas em pessoas com comorbidades ou deficiência permanente grave, gestantes, puérperas ou lactantes e trabalhadores da Assistência Social.

Para a vacina CoronaVac, o prazo de aplicação da segunda dose varia entre 14 e 28 dias. O prazo da segunda dose da Pfizer é de até 12 semanas. Já o imunizante Janssen é de aplicação única.

O detalhamento para cada público poderá ser acessado na resolução da Comissão Intergestores Bipartite, divulgada após a chegada dos imunizantes.

Imediatamente após a chegada do imunizante, as equipes da Vigilância Estadual trabalharão no recebimento das doses, na conferência da quantidade, na catalogação dos imunizantes, no encaixotamento para distribuição e retirada dos municípios.

Simultaneamente à operação logística, as equipes administrativas trabalham na resolução da Comissão Intergetores Bipartite, colegiado que oficializa o quantitativo de doses a ser destinado para os 141 municípios.

Redação Só Notícias (foto: Michel Alvim/assessoria)