Ponto Final

Voto pela cassação

O relator da Ação de Investigação Judicial Eleitoral no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE), desembargador Sebastião Barbosa, votou pela cassação do deputado federal Neri Geller (PP) por abuso de poder econômico nas eleições de 2018. O julgamento de hoje foi suspenso após o juiz Sebastião Monteiro pedir vista do processo, que deverá ser retomado na próxima semana. O MPF acusa Geller de ter realizado doações na campanha de 2018, que totalizaram R$ 1,327 milhão em favor de 11 candidatos que concorreram ao cargo de deputado estadual e estourar o limite de gastos que era de R$ 2,5 milhões. Geller declarou R$ 2,4 milhões mas o MPF diz que teve o repasse para os candidatos a estadual.  Com o voto do relator pela cassação, Neri Geller pode ser cassado, caso 3 dos 6 magistrados que faltam votar, acompanhem o relator.

Só Notícias