Ponto Final

Um lado apenas

O governador Mauro Mendes criticou, hoje, o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Deputados, ontem à noite, que estabelece valor fixo para a cobrança de ICMS sobre combustíveis. Para Mauro, a medida não ataca o problema que causa o aumento nos preços dos combustíveis e causará prejuízos aos estados brasileiros.  “Temos um problema grave hoje no país que é a Petrobrás aumentando sucessivamente, todo mês, o preço dos combustíveis. E a Câmara ataca o problema pegando um lado apenas. Teria que congelar o preço da Petrobrás, da mesma forma como fez com o ICMS. Se a Câmara fizer isso, vou aplaudir os deputados. Se não fizer, vou chamar de medida populista e eleitoreira, que traz graves prejuízos aos estados brasileiros”, afirmou Mauro.

Só Notícias