Ponto Final

TCE manda devolver

O Tribunal de Contas de Mato Grosso negou recursos do ex-diretor do Hospital Regional de Sinop, Wellington Randall Arantes, e dos ex-secretários de Estado de Saúde, Jorge Araújo Lafetá Neto e Vander Fernandes, que buscavam derrubar multas e restituições por irregularidade identificadas pelo TCE na realização de despesa sem emissão de empenho prévio. A decisão ocorreu na sessão plenária da corte e os conselheiros entenderam que as alegações da defesa não sanaram as irregularidades. Eles recorreram das irregularidades nas contas anuais de gestão do Fundo Estadual de Saúde de Mato Grosso, relativas ao exercício de 2013. À época, foram aplicadas multas de 11 UPFs, cerca de 1,5 mil a Wellington Randall Arantes, ainda condenado a restituir o valor de R$ 33.7 mil em virtude da despesa irregular, que acarretou dano ao erário, multa de 44 UPFs a Jorge Araújo Lafetá Neto, e de 11 UPFs a Vander Fernandes.

Só Notícias