Ponto Final

Sem comparação

O governador Mauro Mendes (DEM) rebateu a crítica que o presidente do Sindicado dos Peritos Oficias Criminais (Sindpedo), Antônio Magalhães, fez após o governo anunciar que vai credenciar médicos para atuarem como legistas em cidades onde não existem unidades da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec). O sindicalista declarou que perícia é função de Estado e comparou o credenciamento dos médicos a uma hipotética nomeação de advogados para atuarem como delegados eventualmente. “Não existe esta comparação. Se fosse assim, os médicos que fazem exame de vista no Detran, não poderiam. Eu respeito as críticas, respeito as opiniões, mas nós estamos fazendo o que é melhor para Mato Grosso. Primeiro, estamos atendendo aos municípios do interior. Eu já recebi dezenas de e-mails, whatsapps e ligações de prefeitos do interior agradecendo em nome da sua população pela adoção desta medida”, rebateu Mauro.

Só Notícias