Ponto Final

Riva – delação

O ex-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso José Riva não conseguiu convencer o Supremo Tribunal Federal (STF) a revalidar a sua delação premiada, homologada em novembro de 2017, e que acabou sendo desfeita pelo ministro Luiz Fux por entender que Riva teria cometido novos crimes durante a instrução processual. Com isso, o ex-deputado perde os benefícios da colaboração. Em compensação, as provas e depoimentos prestados não perdem a validade. A decisão unânime da 1ª Turma do STF foi proferida via julgamento virtual. Riva denunciou vários ex-deputados estaduais por corrupção e outros políticos também foram delatados em esquemas de desvios de recursos públicos.

Só Notícias