Ponto Final

Reduzindo déficit

O governo do Estado divulgou, na 6ª tarde, balanço das contas e fechou março com déficit de R$ 60,9 milhões. O valor é a somatória das despesas não pagas no mês. Com as medidas implantadas desde janeiro para cortar gastos estão dando resultados porque o rombo de fevereiro havia sido de R$ 118 milhões. Em março, o Estado arrecadou R$ 1,4 bilhão, valor que foi somado a outros R$ 45,6 milhões que constavam no saldo da Conta Única em 1º de março. Nas despesas pagas pelo governo, estão os repasses obrigatórios aos poderes  (duodécimo) totalizando R$ 198,1 milhões. Para o Tribunal de Justiça foi destinada a quantia de R$ 84,7 milhões, para a Assembleia Legislativa R$ 40,2 milhões, ao Ministério Público R$ 34,2 milhões, para o Tribunal de Contas do Estado o valor foi de R$ 28,3 milhões e para a Defensoria Pública o repasse foi de R$ 10,5 milhões. O Estado também fez o pagamento de dívidas bancárias na quantia de R$ 203,4 milhões. Para as 141 prefeituras, foram R$ 269,5 milhões. A Educação teve R$ 130,3 milhões, além de R$ 7,3 milhões de repasse obrigatório. Para a Saúde foram R$ 32,1 milhões e para o custeio das secretarias de Estado o valor foi de R$ 52,6 milhões

Só Notícias