Ponto Final

Recurso-extradição

A corte uruguaia aceitou julgar pedido de extradição do bicheiro mato-grossense João Arcanjo Ribeiro. O recurso pode ser julgado dentro de cinco meses. A defesa de Arcanjo tenta mantê-lo no Uruguai.