Ponto Final

R$ 700 milhões

O  governador Mauro Mendes teve vídeoconferência com governadores com o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal e alertou que o Estado continuará firme na política de “Tolerância Zero” aos crimes ambientais. “Estamos cada vez mais com um discurso e com a prática dura no combate às ilegalidades ambientais. Aqui no Mato Grosso somente neste ano, até agora, estamos chegando a quase R$ 700 milhões em multas”, relatou, registrando que os praticantes de crimes estavam acostumados a apostar na impunidade pois quase sempre saíam ilesos. “Boa parte das multas que era aplicadas prescreveu, não foram levadas a cabo, não andaram, e isso passou uma percepção durante muitos anos que podia fazer [crimes] porque não dava em nada”. Mauro expôs que essa realidade mudou com as ações tomadas em seu governo especialmente por conta da força-tarefa que está julgando as multas e recursos “muito rapidamente aqueles autos de infração que possuem recurso. Os que decaem o prazo de recurso são mandados imediatamente para a dívida ativa, para a negativação no Serasa e nos serviços de proteção ao crédito, o que vai trazer grandes transtornos para quem cometer os ilícitos. É lamentável, mas precisamos passar uma mensagem muito clara que a ilegalidade, definitivamente, não compensa e não vai compensar”.

 

Só Notícias