Ponto Final

Perto da normalidade

o secretário adjunto da Receita Pública do governo de Mato Grosso, Fábio Pimenta, avaliou, hoje, “que apesar de no geral ainda estarmos abaixo da média anterior ao Covid 19, alguns segmentos já estão quase operando na normalidade, como por exemplo, etanol e materiais de construção”. A análise é do desempenho das atividades econômicas no Estado.  A arrecadação do Imposto Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) nas duas primeiras semanas de maio caiu 6,8%  comparada ao mesmo período do mês passado e representa R$ 40,2 milhões que deixaram de entrar nos cofres do governo. Essa perda se eleva a 21% quando comparado a igual período do mês de março, antes, portanto, do agravamento da situação econômica em razão da pandemia do Coronavírus. Em termos de valores a perda comparativa média de receita nesse período atinge R$ 147,3 milhões. O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, acrescentou que  já dá para notar que a tendência é de estabilização do faturamento das empresas

Só Notícias