Ponto Final

Para zerar

O secretário da Casa Civil, Mauro Carvalho, detalhou para deputados estaduais e representantes de sindicatos e associações de servidores ligados à Segurança Pública a proposta de reforma da previdência estadual para conter o crescente déficit e mencionou a expectativa que, com a reforma, o déficit da previdência do Estado de cerca de R$ 1,4 bilhão, previsto para 2020, seja zerado, sobrando R$ 600 milhões para ser investidos em outras áreas. “No entanto, em 10 anos, a previdência voltaria a apresentar déficit acumulado de R$ 6 bilhões. Sem a reforma, o montante chegaria a R$ 31 bilhões em 10 anos”, completou o chefe da Casa Civil. Carvalho expôs que os sindicatos têm as portas abertas para fazer sugestões e colaborações, garantindo as aposentadorias dos servidores no futuro.

Só Notícias