Ponto Final

Outra derrota

A primeira turma do Superior Tribunal Federal negou, por três votos a um, o recurso interposto pela defesa da senadora cassada Selma Arruda (Podemos) que visava anular o rito que sacramentou a perda de seu mandato realizado pela mesa diretora do Senado. Votaram contra o recurso a ministra relatora do caso, Rosa Weber, e os ministro Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. O voto a favor do agravo regimental impetrado pela juíza aposentada foi do ministro Marco Aurélio. Selma foi cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico na campanha.

Só Notícias