Ponto Final

Não teve iniciativa

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, rebateu o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), que pediu que o governo do Estado ceda a escola estadual Nilo Póvoas para a administração municipal em vez de fechar o acesso aos alunos e transformá-la num Cetro de Referência Inclusiva. Carvalho questionou por que o prefeito não tomou a mesma atitude em relação à Santa Casa de Misericórdia, que no ano passado foi estadualizada. “Ele [Emanuel Pinheiro] deveria ter dito a mesma intenção com a Santa Casa de Cuiabá. A Santa Casa ficou com suas portas fechadas mais de 60 dias e ele não teve a iniciativa de assumir. Nós [Estado] assumimos a Santa Casa. Então, temos que ter uma postura única na política e é isso que o governador Mauro Mendes tem determinado a toda a sua equipe”, respondeu.

Só Notícias