Ponto Final

“Não temos como pagar”

O presidente da Associação dos Criadores Nelore de Mato Grosso, Mario Candia, deixou claro para lideranças políticas estaduais que o setor pecuário é contrário a criação de taxação no agro para diminuir a grave crise financeira do Estado. “Vamos esperar a avaliação dos outros setores agro, mas nós, da pecuária, não temos como taxar mais a nossa carne. Já vivemos um momento muito difícil, em que a nossa margem está negativa ou muito próxima disso. Veja bem, enquanto o consumo interno da proteína da carne bovina caiu, todos as despesas aumentaram, como insumos, mão de obra, sal mineral, ração, arame e diesel. Além disso, temos que investir em melhores tecnologias e reforma de pasto. Diante deste cenário, esperamos bom senso de todos os envolvidos nessa discussão”, frisou Candia.

Só Notícias