Ponto Final

Mais problemas ?

O Ministério Público Federal acusa o ex-presidente do INSS Carlos Bezerra de dispensar licitação de R$ 8 milhões com a Fundação Universidade de Brasília, que prestou serviços de endomarketing e comunicação institucional. Bezerra teria determinado a anulação do contrato assim que sua assessoria apontou falhas no processo de contração e acredita que o processo perdeu o objetivo.