segunda-feira, 27/maio/2024
PUBLICIDADE

Henry, PP e Silval

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Pedro Henry, principal líder do PP, também responsabilizou Mauri pelo partido sair do governo Silval. Ele também não eximiu o governador da decisão. “Nós ajudamos o Silval a ganhar a eleição. Mas, depois que eu saí da secretaria, o PP não tem mais participação no governo. Ninguém constrói um governo para ficar assistindo ao outro governar. E me parece que o governador não quer que o PP participe. Não foi o PP quem adotou uma postura de independência. Foi o governador que disse que estávamos independentes. Acho que a questão do Mauri é uma inabilidade muito grande que só veio à tona depois disso. É uma pessoa que não conversa com ninguém, que não se articula. Sabia que tinha um modelo implantado e chega aí e muda. Perdeu o apoio dos deputado”, disparou o deputado.

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias

Nova escola em Mutum

O prefeito de Nova Mutum, Leandro Felix, acompanhou a...

Forte crescimento industrial

O governador Mauro Mendes disse, nesta 6ª feira, que...

Deputado se licencia

O deputado federal Juarez Costa entrou em licença por...

Rocha na disputa

O vereador e suplente de deputado estadual Adenilson Rocha...