Ponto Final

Botelho tem que explicar

O presidente da Assembleia Eduardo Botelho tem que esclarecer os pagamentos para 11 ex-deputados, que não exercem mandatos nem trabalham na Assembleia em cargos de assessorias e juntos receberem em novembro e dezembro R$ 2,3 milhões.”Tais pagamentos não foram registrados na folha de pagamento da Assembleia”, como apurou A Gazeta. Outro local onde estes pagamentos deveriam ter sido registrados é o Sistema de Execuções Financeiras da ALMT, uma importante ferramenta, que está fora do ar. Como se vê, é muito dinheiro e no mínimo mostra que austeridade com recursos públicos não é o forte da gestão de Botelho. E transpareência também não.

Só Notícias