Ponto Final

Bancada de MT apoia triplicar fundão

O Congresso aprovou o projeto da lei de diretrizes orçamentárias para ano que vem triplicando o volume de recursos para o financiamento da campanha eleitoral, que subiu de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões. A maioria dos mato-grossenses votou para aumentar a gastança no fundo eleitoral no ano em que praticamente todos vão tentar se reeleger. Na Câmara, o placar de votação foi de 278 votos a favor, 145 contra e 1 abstenção. Leonardo Albuquerque (SD), Emanuel Pinheiro Neto (PTB), Juarez Costa (MDB), Nelson Barbudo (PSL), Valtenir Pereira e Neri Geller (PP) foram favoráveis. José Medeiros (Podemos) não compareceu à sessão. Só a deputada Rosa Neide (PT) votou contra. No Senado, os 3 mato-grossenses votaram para triplicar os gastos.

Só Notícias