Ponto Final

‘Adesão é fake’

O governador Mauro Mendes (DEM) e governadores se reuniram no fórum nacional de governadores e manifestaram ao ministro da Economia, Paulo Guedes, que os Estados não conseguem zerar o ICMS (Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços) nos combustíveis conforme propôs o presidente Bolsonaro que, em contrapartida, acabaria com PIS e Cofins.  “Nenhum Estado tem a menor condição de tomar essa medida. Todos Estados estão em situação fiscal e financeira frágil, a maioria deles em grande dificuldades e abrir mão de receita  (que variam de 20 a 30% dependendo de cada Estado)seria uma grande irresponsabilidade colocando em risco a prestação de serviços públicos na saúde, segurança e demais compromissos que o Estado tem”. Ele disse que os colegas governadores do “Acre, Piauí, Goiás e Rondônia reputaram isso (que teria aceitado acordo para acabar com ICMS dos combustíveis) como fake news e expuseram, como os demais governadores, que estamos dispostos a tratar deste tema e outros na reforma tributária”, emendou.

Só Notícias