Política

Vírginia Mendes e Michele Bolsonaro participam de entrega de cestas básicas para povos indígenas

A primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes, a convite da primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, participa nesta quinta-feira da ação de distribuição de alimentos aos povos indígenas do Estado, em Rondonópolis. O evento de entrega dos alimentos será realizado na sede da Conab, em Rondonópolis, às 9h30.

É a primeira vinda de Michelle Bolsonaro em Mato Grosso. A ministra Damares Alves, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos também estará presente no evento, bem como a secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria Carvalho.

Serão destinadas 24.060 cestas, totalizando 528 toneladas de alimentos para atender a 12.030 povos indígenas. A ação é uma parceria com o Ministério da Mulher, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Funai e a secretaria nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e busca minimizar e realizar atendimento de apoio durante à pandemia do coronavírus (COVID-19).

Também serão distribuídas 210 mil máscaras para Rondonópolis. A Setasc é a responsável pela indicação dos bairros e comunidades carentes que receberão as doações.

Cerca de 70 entidades e projetos filantrópicos de Cuiabá e Várzea Grande receberam cestas básicas da campanha “Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus”, nos últimos 40 dias. A ação do governo do Estado de Mato Grosso já atendeu 12 mil famílias, que receberam atendimentos prestados por igrejas, associações comunitárias, ONGs, projetos filantrópicos e entidades sociais que desenvolvem o atendimento às famílias em situação de vulnerabilidade social. Além disso, a campanha atendeu também diversas pessoas do grupo de risco, tais como idosos, diabéticos, pacientes em hemodiálise, em tratamento contra o câncer e portadores de doenças crônicas, e ainda, trabalhadores que vivem da agricultura familiar, ambulantes e centenas de pessoas moradoras de assentamentos e bairros periféricos.

A entrega de cestas básicas também foi feita para moradores de baixa renda em outros municípios de Mato Grosso.

Só Notícias (Janã Pessoa/arquivo)