Política

Sinop terá UTI móvel para transportar pacientes com Covid; R$ 1,8 milhão de investimento 

O prefeito Roberto Dorner (Republicanos) autorizou abertura de processo licitatório, na modalidade pregão presencial, para contratação de empresa especializada na prestação de serviços de transporte de pacientes em ambulância tipo D, de suporte avançado, com Unidade de Terapia Intensiva móvel adulto, para remoções intermunicipais e perímetro urbano de pacientes com Covid-19. O investimento previsto é superior a R$ 1,8 milhão.

Consta no edital, que o valor projetado é para até 100 mil quilômetros rodados, e a empresa deverá fornecer médico, enfermeiro e motorista. Os transportes de pacientes poderão ocorrer em horários, datas e locais a serem definidos, conforme as reais necessidades que são imprevisíveis, e ocorrerão através de regulação.

Na justificativa, é pontuado que a contratação é necessária devido o transporte “ser uma demanda inesperada e crescente conforme o aumento de casos em nosso município”, e por isso “se faz a necessidade de transporte com equipe de multiprofissional por se tratar da integridade física do paciente”.

Além disso, a prefeitura considerou a “crescente demanda de transporte de pacientes com liminares judiciais que necessitam de remoção para outros municípios”. Os recursos para contratação são parte próprios do executivo, além de federais para enfrentamento à pandemia.

A contratada deverá ter disponível durante 24 horas por dia, inclusive sábados, domingos e feriados, os veículos e os profissionais necessários para atender aos chamados da secretaria municipal de Saúde, no tempo estipulado, e também manter em funcionamento a central de atendimento.

A ambulância deverá estar equipada com diversos materiais, como ressuscitador manual, incubadora, bomba de infusão, oximetro, rede portátil de oxigênio, respirador mecânico, esfignomanômetro, eletrodos descartáveis, além de medicamentos, dentre outros equipamentos.

A escolha da licitante está prevista para o próximo dia 9, às 9h, na sede da prefeitura.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: Só Notícias/Diego Oliveira/arquivo)