Política

Sinop: prefeitura e Estado discutem projeto para investimentos no aeroporto

A Prefeitura de Sinop, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento, Finanças e Orçamento, tem dado continuidade aos trabalhos para melhorias no Aeroporto Municipal Presidente João Batista de Figueiredo. A secretária Ivete Mallmann esteve reunida com representantes da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) e Secretaria de Aviação Civil (SAC) para discutir o cronograma do projeto que viabilizará R$ 8 milhões de investimentos, do governo federal, e que serão destinados ao aeroporto de Sinop, por meio da SAC. O projeto, processo licitatório e execução das obras são realizados pelo governo do Estado, por meio da Sinfra.

“Estivemos em Cuiabá e as equipes da Sinfra nos apresentaram o projeto, que deve ser entregue a Secretaria de Aviação Civil. O prazo no cronograma deles é até o dia 20 março para protocolo em Brasília. Então, a SAC terá 30 dias para análise do projeto e apontamentos. Sendo aprovado sem resalvas a próxima fase será a licitação. Nós discutimos também a importância quanto a rapidez desse processo licitatório, que será por meio da Sinfra, do governo do Estado. Na sequencia teremos o início das obras. É muito importante termos esse cronograma para avançar e a aplicação desses R$ 8 milhões”, explicou a secretária, por meio da assessoria.

Além do projeto para os investimentos de R$ 8 milhões, a prefeitura, em parceria com o Governo do Estado, também deve dar andamento nos trabalhos de ampliação da cerca do aeroporto.

“Assim como temos trabalhado e avançado na questão do IFR. Estaremos nos próximos dias fazendo alteração da cerca, sinalizações e adequações da sinalização do pátio e da pista, também objetivando a homologação IFR (Instrument Flight Rules). Também a entrada do pedido de IFR junto a ANAC, que faz acompanhamento de planilhas e documentações”, pontuou Ivete.

Desde fevereiro deste ano a Estação Prestadora de Serviço de Telecomunicações e de Tráfego Aéreo (EPTA) e os Indicadores de Percurso de Aproximação de Precisão (PAPIs) já estão operando no aeroporto, possibilitando mais segurança para pousos e decolagens.

“A EPATA possibilita o contato do piloto com o técnico operando em solo no aeroporto, falando das condições climáticas, condições de solo para que o avião tenha segurança maior no pouso. Já o PAPI é para pousos noturnos”, finalizou a secretária.