quarta-feira, 22/maio/2024
PUBLICIDADE

Silval diz que anulou atos da secretaria assinados por Henry

PUBLICIDADE

Após ganhar repercussão nacional o suposto acúmulo de cargos do deputado federal Pedro Henry (PP), que teve seu nome assinado como titular da Secretaria de Estado de Saúde (SES) em atos publicado no Diário Oficial do Estado no início da semana, o governador Silval Barbosa (PMDB) anunciou que tornou sem efeito as publicações. "Como ele não tomou posse no dia 17, anulei todos os atos", esclareceu o governador.

Anteriormente, Henry já tinha explicado que o "mal entendido" foi provocado pelo sistema operacional do Governo, que é automatizado. O parlamentar ressalta que, inclusive, na data da assinatura eletrônica, ele estava internado para tratamento de saúde, motivo pelo qual não deve retornar ao staff de Silval. O governador, por sua vez, fez questão de ressaltar que, pela sua vontade, Henry teria retomado o comando da SES, mas ponderou que ele segue em Brasília buscando recursos para o setor.

Questionado se o imbróglio sobre o suposto acúmulo de cargo poderia ter ganhado força em razão da briga partidária sobre sua sucessão na Câmara dos Deputados, já que o segundo suplente, Neri Geller (PP), entrou na Justiça para assumir a cadeira de Henry ao invés do primeiro suplente, Roberto Dorner (PSD), que mudou de partido no ano passado, o ex-secretário disse que estava evitando falar sobre o assunto, mas que o problema era exclusivamente de saúde.

Ele afirma que a cerca de um ano e meio tem feito exames e passado por tratamentos hormonais e esclarece que enquanto não estiver fisicamente bem, não pretende reassumir a SES. Ainda, de acordo com o deputado, a vaga disputada por Geller e Dorner sequer existe, pois devido ao recesso parlamentar, não houve necessidade de se licenciar do cargo para o tratamento de saúde e continua à frente de seu mandato. "O mandato é meu, fui eleito pela população e só vou sair do cargo por livre e espontânea vontade, não adianta fazer pressão partidária. A decisão é minha", enfatizou Henry.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE