terça-feira, 21/maio/2024
PUBLICIDADE

Silval Barbosa diz que 64% da floresta em MT está preservada

PUBLICIDADE

O governador Silval Barbosa participa, esta manhã, do encontro de governadores da Amazônia, evento que reúne os chefes do Executivo dos oito estados que compõem a Amazônia Legal, em Belém (PA). O objetivo do encontro é afinar o discurso dos governadores e a construção de uma agenda amazônica, rumo a Rio +20.

O anfitrião do evento, governador do Pará, Simão Jatene, falou sobre a importância do evento. “A Amazônia já tem contribuído com a redução da emissão de gás carbônico e precisa ser reconhecida e recompensada por isso”. Ele diz que desde que o protocolo de Kyoto foi assinado, a região já contribuiu com a redução de 1 gigaton de CO².

Silval falou sobre o papel de Mato Grosso na conferência. “Entre os estados da Amazônia, Mato Grosso sem dúvida é o maior produtor agrícola. Mesmo assim, nós mantemos 64% do nosso território preservado, seja na forma de parques ou reservas”. Silval também diz que o papel da Amazônia precisa ser reconhecido. Esse ponto de vista foi acompanhado por outros governadores, na chegada ao Hangar Amazônia, onde o evento acontece.

Jatene fez a abertura do evento, lembrando que apesar da sua importância ao País, a região da Amazônia ainda conta com índices sociais precários. Ele lembrou que na região, vivem 25 milhões de pessoas. Na sequência, o secretário-executivo do Ministério do Meio Ambiente, Francisco Gaetani, concedeu uma palestra sobre o Governo Federal e a Rio +20. O secretário de Meio Ambiente de Mato Grosso, Vicente Falcão, participou do debate, representando os secretários da região.

O evento seguirá na tarde. Também acompanha a comitiva de Silval Barbosa, o secretário de Estado de Indústria, Minas, Comércio e Energia, Pedro Nadaf.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE