Política

Setor madeireiro: Nilson quer audiência com ministra e alfineta Blairo

O prefeito Nilson Leitão vai solicitar audiência com a ministra do Meio Ambiente, Marina SIlva, para propor parcerias visando uma estrutura maior de atendimento por parte do Ibama -Instituto Brasileiro de Meio Ambiente- para o setor madeireiro da região Norte.
Depois da Operação Curupira, onde muitas pessoas -inclusive servidores do Ibama- foram presos acusados de fraude em extração de madeira, houve suspensão no fornecimento de guias para transporte de madeira e análise dos planos de manejo, que lentamente, voltaram ontem a ser despachados.

“Precisamos saber qual é a intenção do Governo Federal com essa região e se o governo quer efetivamente que essa região feche ou se trabalhe de forma ordenada e respeite o meio ambiente, para que seja economicamente viável. Hoje nós entendemos que as pessoas que estão aqui, querem  o bem da região e estamos conclamando as autoridades regionais, prefeitos, vereadores, deputados, senadores, e o próprio governador, que até agora não se pronunciou a favor dos madeireiros, que efetivamente entre nessa luta, se engaje nessa luta, pra que possamos buscar alternativas viáveis nessa região, que é a região que mais cresce no estado de Mato Grosso”, disse o prefeito.

Leitão também deverá estar na FUNAI -Fundação Nacional do Índio-. Ibama passou a exigir que os madeireiros obtenham certidões dafundação certificando que as áreas onde pretendem extrair madeira não são indígenas. A FUNAI tem demorado meses para expedir o documento.