domingo, 26/maio/2024
PUBLICIDADE

Senador lamenta falta de investimento em segurança pública em MT

PUBLICIDADE

O senador Pedro Taques (PDT) lamentou durante audiência pública no Senado, esta manhã, a falta de investimentos em segurança pública por parte do governo do Estado visando a Copa do Mundo de 2014. Durante o evento, ele lembrou que no início deste ano o Executivo anunciou corte de todas as obras. "A justificativa do governo: falta de tempo e dinheiro. Não temos que temer, mas ter preocupação com a proximidade dos jogos da Copa em Mato Grosso. Temos condições de prevenir atos ilícitos que possam vir a ser praticados?".

O senador mato-grossense destacou que, somente o projeto do Complexo da Politec previa cerca de dez mil metros quadrados de área construída, incluindo a Coordenadoria de Medicina Legal, laboratórios forense e de DNA, e um centro de convenções. No Complexo de Segurança do Jardim Cuiabá, na capital, estavam previstas as sedes das delegacias de Apoio ao Turista e de Combate à pirataria, além do 10º Batalhão da PM.

Relator do Novo Código Penal, Pedro Taques ressaltou ainda que Mato Grosso sediará jogos do Mundial de 2014 e possui mais de 700 Km de fronteira seca com a Bolívia. Em sua avaliação, os limites do Brasil com outros países devem ser observados com atenção pelas forças de defesa e inteligência nas esferas federal, estadual e municipal.

Durante a audiência pública sobre os preparativos adotados pelo Brasil para garantir a segurança em grandes eventos – Copa das Confederações, Jornada Mundial da Juventude, Copa do Mundo e Olimpíadas – o pedetista ainda abordou o tema terrorismo, lembrando do atentado na Maratona de Boston, alegando que fatos como esse podem ocorrer em qualquer lugar do mundo.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE