Política

Produtores de Mato Grosso precisam de apoio das bases, avalia vereador de Sorriso

O vereador Ederson Dalmolin, o Xuxu (PFL) esteve representando a Câmara Municipal de Sorriso no Tratoraço, movimento que teve como objetivo sensibilizar a sociedade para a crise que atinge a agricultura e cobrar das autoridades governamentais uma política agrícola definida. Em Brasília, o parlamentar manteve contato direto com o senador Jonas Pinheiro (PFL que integrou a comissão – formada por ruralistas, entidades e deputados – que negociou com o governo Lula.
De acordo com o vereador, diversas propostas foram atendidas, entre elas, a prorrogação, por mais 30 dias, dos pagamentos das parcelas de financiamentos rurais refinanciados pelo PESA e securitizados, com o compromisso de estudar o alongamento desse prazo e a criação de uma linha de crédito pelo BNDES, no valor de R$ 3 bilhões, para refinanciar as dívidas dos produtores rurais com fornecedores privados. Os encargos financeiros dessa negociação serão de juros fixos de 8,75% ao ano para os produtores rurais e 5% para os fornecedores/fabricantes.

“Nas negociações, o governo ainda se comprometeu em aprofundar os estudos para implantação do Seguro Rural e a criação de um Fundo de Catástrofes”, completa Dalmolin. Após esses resultados, o vereador concluiu que “a classe produtora está cada vez mais organizada, mas, sentimos a falta de apoio político, principalmente das nossas bases”. Na opinião dele, nas próximas eleições a sociedade deve apoiar políticos realmente comprometidos com o desenvolvimento do Município, Estado e do País.