Política

Prefeito eleito em Matupá avalia que vitória mostra ‘revolta’ e vontade de mudança da população

O prefeito eleito em Matupá (200 quilômetros de Sinop), Bruno Santos Mena, avaliou, há pouco em entrevista ao Só Notícias, que a vitória nas urnas, ontem, na eleição suplementar, evidência a vontade da população de mudança na administração municipal e âmbito político do município. “É a vontade da população essa renovação, inovação e uma forma diferente de administrar o executivo”, analisou.

Mena e o vice, Celso Luiz Sorgatto, receberam 4.460 votos – 55,58% do total, e em sua visão, a votação expressiva também demonstra a revolta dos matupaenses, em decorrência da cassação do ex-prefeito Fernando Zafonato, eleito em 2020 (de quem Bruno Mena era vice), devido a uma condenação, de 2012, por ato doloso de improbidade administrativa, que gerou lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito, por direcionamento de licitação realizada em 2010.

“Pelo que aconteceu em maio, com a cassação do Fernando, a população se revoltou também porque tinha decidido no voto, foi uma vitória na raça, e isso mostra a revolta. Além disso, também estou levando o nome jovem, com 32 anos, apesar de estar com dois mandatos de vereador”, acrescentou o prefeito eleito, que governará até o final de 2024.

Já sobre o secretariado, Mena apontou que ainda não há definição. Apesar de reconhecer que tem ‘afinidade’ com alguns secretários atuais, não sinalizou se manterá a maioria do primeiro escalão. “A gente ainda está conversando com as pessoas que nos apoiaram, ainda não temos uma predefinição sobre isso. Tem uma afinidade com os secretários, eu era de Administração, a gente vai conversar, mas ainda não tem nada oficial, porque agora começa o trabalho de transição”, salientou. A maioria dos secretários foi alterada após a cassação de Zafonato, com o presidente da câmara, Marcos Icassati, sendo designado como prefeito interino até a escolha do novo prefeito.

A diplomação de Mena e Sorgatto está marcada para o próximo dia 23, de acordo com resolução definida pelo Tribunal Regional Eleitoral.

Bruno Mena foi radialista e também decidiu seguir a carreira política do avô, Luis Mena, em Matupá, iniciando como vereador e sendo reeleito. Já o vice-prefeito eleito, Celso Sorgatto, é agricultor e este foi o primeiro pleito que concorreu.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: reprodução)