Política

Prefeito confirma que comissão da UFMT vai a Lucas do Rio Verde fazer análise técnica para instalar câmpus

O prefeito Miguel Vaz Ribeiro confirmou que, ainda na primeira quinzena de julho, a comissão da Universidade Federal de Mato Grosso estará em Lucas do Rio Verde para avaliar a implantação do câmpus e existe a expectativa para um avanço do projeto ainda este ano. “Iremos receber aqui no município a comissão da UFMT que irá fazer uma visita oficial. Eu espero que com muito trabalho a gente possa avançar e, quem sabe, a implantação ainda em 2022. E isso que queremos e o que a sociedade quer”, revelou.

Miguel esteve, na última semana, com lideranças políticas em Brasília. Dentre os compromissos, o chefe do executivo participou de uma reunião no Ministério da Educação com o secretário de Educação Superior, Wagner de Souza. O assunto discutido foi a implantação do campus, seguido da apresentação do termo de doação da área por um grupo empresarial de família pioneira em Lucas.

“Participamos a convite do senador Wellington Fagundes para fazer uma reunião no Ministério da Educação. Estivemos lá, onde participou da reunião o secretário de Educação Superior Wagner de Souza. Tratamos da criação do campus da UFMT. O secretário apresentou para nós uma lei mais simplificada aprovada em 2021”, destacou.

Recentemente, houve formalização da doação por um empresário e pioneiro do município de 25 hectares para construção do Campus, localizada na região da rodovia Isidoro Pivetta. Durante a reunião, Miguel conversou remotamente com o reitor da universidade e atualizou como está o projeto. “Falamos por telefone com o reitor Leandro, apresentando qual o ‘status’ do andamento do projeto nesse momento. Está andando muito bem, cria-se uma possibilidade de um tempo mais breve termos a criação do campus, mas ainda há trabalho pela frente”, finalizou.

A definição dos cursos deve ser consolidada através de pesquisas que a prefeitura realizou.

Só Notícias/Kelvin Ramirez (foto: assessoria)