Política

No Senado, Jayme Campos elogia celeridade do Tribunal do Trabalho em Mato Grosso

O senador Jayme Campos (DEM) elogiou, efusivamente, o Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT 23ª Região) na tribuna do Senado. O parlamentar citou as alterações proporcionadas pela aprovação da reforma trabalhista que mudaram as regras como remuneração, plano de carreira e jornada de trabalho como exemplo positivo que ajudou a reduzir o número de processos que chegam à justiça trabalhista e fez menção especial à celeridade processual do TRT mato-grossense, o mais ágil do Brasil.

“Aqui todos os brasileiros almejam uma Justiça do Trabalho ágil, moderna e descomplicada. Com base nessa realidade, o Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso sistematizou suas práticas a tal ponto que ostenta em nossos dias o menor prazo médio no Brasil, apenas oito meses, para a publicação de sentenças de primeiro grau, em honroso ranking que incluiu todos os TRTs do país, bem como os tribunais regionais federais (TRFs) e os tribunais de Justiça dos estados”, destacou.

Jayme lembrou que o Brasil ainda figura entre os campeões mundiais em ações trabalhistas. No ano passado, foi ajuizado 1,7 milhão de novos casos; na Inglaterra, em média, são 50 mil ações por ano, e nos Estados Unidos, 20 mil processos anuais.

O parlamentar ainda ressaltou que a justiça trabalhista tem papel fundamental na democracia, por promover justiça social ao administrar a resolução dos conflitos gerados nas relações entre empregado e empregador, “como forma de garantir continuidade, tanto na atividade econômica, como no trabalho, de forma justa e isonômica”.

Só Notícias/Marco Stamm, de Cuiabá (foto: Só Notícias/Diego Oliveira/arquivo)