terça-feira, 21/maio/2024
PUBLICIDADE

Manifesto cobrando justiça por morte de prefeito do Nortão será amanhã

PUBLICIDADE

Um manifesto público será realizado amanhã à tarde, em Nova Canaã do Norte para lembrar os seis meses do brutal assassinato do então prefeito do município, Antônio Luiz Cesar de Castro, o “Luizão”. Com o ato, moradores, prefeitos da região e familiares do ex-gestor pretendem cobrar das autoridades policiais mais agilidade na punição das pessoas responsáveis pelo crime, que aconteceu no dia 5 de agosto do ano passado.

O ato acontecerá em frente a sede do Fórum de Nova Canaã do Norte e contará com o apoio da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), além de várias entidades de classe locais. A mobilização é liderada pela viúva do ex-gestor, Tereza Castro, e também pela irmã dele, Célia Castro.

Conforme Só Notícias já informou, Luizão, que tinha 43 anos, foi morto com sete tiros quando saía de uma festa no município. Ele estava em seu segundo mandato como prefeito e era considerado um líder na região. Como o caso corre em segredo de justiça, a última informação sobre a investigação repassada pela assessoria da Polícia Civil apontava que 15 pessoas já haviam sido ouvidas. Esta informação foi divulgada ainda em agosto e de lá para cá nenhuma outra novidade foi anunciada pelas autoridades policiais.

Os delegados Rogério Malacarne da Costa e Sérgio Ribeiro Araújo são os responsáveis pelo inquérito. Na oportunidade, a assessoria informou que eles trabalhavam com duas linhas investigativas, uma relacionada a negócios do ex-prefeito e outra ligada a questões políticas.

Ainda no ano passado, em 23 de julho, o prefeito de Novo Santo Antônio, Valdemir Antônio da Silva, conhecido popularmente como “Quatro Olhos”, também foi assassinado. O crime também não foi solucionado.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE