Política

Iniciada reforma para reativar PSF de comunidade em Lucas do Rio Verde

Com atendimentos suspensos há mais de dois anos, o PSF da Comunidade Itambiquara será reativado pela prefeitura de Lucas do Rio Verde. Para isso, a secretaria de Infraestrutura e Obras iniciou neste mês a reforma e ampliação da unidade de saúde, com investimento estimado de R$ 150 mil, com recursos próprios. De acordo com o cadastro da saúde, o PSF deve atender cerca de 200 moradores da região.

A reforma consiste na readequação interna do PSF, com banheiros, nova sala de atendimento, ampliação da cozinha, sala de serviços, troca de portas, janelas, pisos e telhado. “Essa reforma e ampliação geral da unidade de saúde tem o objetivo de levar um melhor atendimento às demandas da comunidade”, disse o secretário de Infraestrutura e Obras, Alexandre Orbolato.

A reforma e ampliação do PSF deve durar cerca de 45 dias e, assim que as obras finalizarem, a unidade será reativada com atendimento médico e odontológico em dois dias da semana e, todos os dias, uma equipe de enfermeiros permanecerá atendendo os moradores da região.

“Eu tenho certeza que esse atendimento em Itambiquara vai trazer mais qualidade para os moradores. Nós vamos ter sala de vacina, atendimento de enfermagem, todo aquele cuidado para verificar pressão, glicemia e a temperatura. Isso traz bastante segurança para a comunidade”, destacou a secretária de Saúde, Fernanda Heldt Ventura.

Conforme o prefeito Miguel Vaz, a administração municipal desenvolveu um levantamento para identificar a real necessidade de ter a unidade funcionando em Itambiquara. “Chegamos à conclusão que, de fato, é melhor retomar os atendimentos à saúde naquele local, até porque, pensando um pouco no futuro, aquele espaço vai servir não apenas para os serviços da Saúde, mas para outros atendimentos, como projetos sociais, cursos, enfim, um espaço para as pessoas de lá. Isso é uma forma de estar mais próximo da comunidade”.

Ainda de acordo com o prefeito, a equipe de planejamento da prefeitura está avançando no projeto de urbanização da comunidade, que terá ruas pavimentadas, com drenagem, iluminação pública e a Regularização Fundiária Urbana.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)