terça-feira, 21/maio/2024
PUBLICIDADE

Governo licita ponte de concreto no rio onde carro caiu e familia morreu

PUBLICIDADE

A Secretaria Estadual de Infraestrutura informou hoje que está em andamento feita licitação para construir ponte de concreto, com aproximadamente 250 metros de extensão, no Rio do Sangue, rodovia Juara-Juína, onde morreram 4 pessoas da mesma família, após a caminhonete onde estavam cair da ponte de madeira (que não tem proteção lateral). O edital saiu em novembro e as empreiteiras apresentaram propostas no final de dezembro. Agora começa a fase de habilitação. A ponte foi orçada em R$ 9,6 milhões e não informado prazo para as obras iniciarem.

A secretaria informou hoje, através da assessoria, que até ser feita, haverá “reforço da sinalização na ponte sobre o rio do Sangue, inclusive com sinalizadores sonoros, na tentativa de alertar os motoristas que façam a travessia com mais segurança”.

Os corpos de do agrimensor Antônio Neves de Oliveira, 52 anos (servidor aposentado do Intermat), sua esposa, Laurentina Rodrigues do Amaral, 33 anos, e os filhos Wertson Neves do Amaral, 12 anos, e João Pedro Neves do Amaral, 6 anos, foram trasladados, no final da manhã, de avião, de Juara para Cuiabá, onde serão sepultados. Conforme Só Notícias já informou, a caminhonete Mitsubishi Triton caiu da ponte de madeira e as vítimas não conseguiram sair, morrendo afogadas. Os corpos foram resgatados ontem, no final da tarde.

 

Leia ainda
Família que morreu em rio no Nortão será enterrada na capital

 

 

 

 

 

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE