Política

Candidato a prefeito de Sorriso entra com recurso e pode continuar campanha; justiça autoriza 2 candidaturas

O candidato a prefeito de Sorriso, Júnior Pé No Chão (PCdoB) entrou com recurso contra o indeferimento de sua candidatura e, assim, poderá continuar fazendo campanha eleitoral. A informação é da chefe de cartório da 43ª Zona Eleitoral, Andrea Fenner.

“A situação dele é indeferido com recurso. Enquanto estiver pendente, ele pode fazer propaganda eleitoral. Enquanto o tribunal não decidir, fica nessa situação. Na situação que está hoje, o candidato vai para a urna. Se o tribunal mantiver o indeferimento, aí não serão contabilizados os votos dele. Não tem prazo (para análise). A qualquer momento pode analisar. A gente acredita que será o mais rápido possível”, afirmou Andrea.

Os outros dois candidatos a prefeito, Xuxu Dal Molin (PSC) e Ari Lafin (PSDB) tiveram as candidaturas autorizadas pela Justiça, segundo a juíza da 43ª Zona Eleitoral, Paula Mussi Casagrande (foto).

A magistrada ainda confirmou alteração no horário de votação, em razão da pandemia. “A votação vai iniciar uma hora antes, por precaução, para que dê tempo de todos votarem e não haver aglomeração. Este ano, vai iniciar às 7h”, disse a juíza.

Conforme Só Notícias já informou, a justiça eleitoral de Sorriso recusou 23 candidaturas a vereador por “ausência de requisito de registro”, quando faltam documentos que habilitem a concorrência ao pleito. Todos podem recorrer.

Só Notícias/Herbert de Souza e Lucas Torres, de Sorriso (foto: Só Notícias/Lucas Torres)