quarta-feira, 19/junho/2024
PUBLICIDADE

Cacique mato-grossense é homenageado por Sting e diz que Lula prometeu vetar ferrovia Sinop-Miritituba

PUBLICIDADE
Redação Só Notícias (foto: assessoria)

O cantor americano Sting, da banda The Police, e sua mulher, Trudi Styler, gravaram um vídeo e divulgaram nas redes sociais homenageando o cacique mato-grossense Raoni Metuktire, líder da etnia Caiapó, no parque do Xingú. O artista e a liderança indígena são amigos desde a década de 80, quando foram a vários países em campanha pelo meio ambiente e pela Floresta Amazônica.

“Estamos muito orgulhosos de, no dia do meio ambiente, estar dizendo ‘olá’ para nosso querido amigo, Raoni. Você esteve à frente desta balha que todos nós temos lutado por 35 anos e você é um guerreiro tão importante, um lutador. Nós te amamos”, disse Sting.

“Raoni, nós vamos falar sobre você esta noite, estamos em uma arrecadação de fundos para o nosso Fundo da Floresta Tropical. Seu nome está sempre em nossos lábios e sempre será nosso querido amigo. Você é um guerreiro incrível, estamos seguindo seus passos e sempre estaremos aqui para você e com você e para todos os povos da floresta tropical”, complementou a mulher do cantor, Trudi Styler.

Raoni esteve em Brasília para a celebração dos 76 anos do Rei Charles III, a convite da Embaixada do Reino Unido. Em entrevista à BBC, ele afirmou que o presidente Luís Inácio “Lula” da Silva garantiu que irá vetar o projeto da ferrovia Sinop-Miritituba, a “Ferrogrão”. O cacique é contra o empreendimento por entender que é uma ameaça aos povos indígenas.

“Na verdade, eu já falei com ele (Lula) e falei que não era bom ele apoiar esse projeto porque ele ameaça os povos indígenas. Pedi pra ele não apoiar e não assinar nenhum projeto contra os povos indígenas. Ele concordou e disse que não vai assinar. O [Emmanuel] Macron [presidente da França] estava junto e pediu isso também porque é um projeto que não garante o bem-viver dos povos indígenas”, afirmou Raoni.

Em março deste ano, conforme Só Notícias já informou, Raoni se manifestou contrário à ferrovia durante a cerimônia de recebimento da homenagem dada pelo presidente francês, Emannuel Macron. Raoni foi condecorado com a ordem do cavaleiro da Legião de Honra da França e a solenidade, realizada em Belém (PA), também contou com o presidente Luís Inácio “Lula” da Silva. O líder Kayapó aproveitou a oportunidade para se manifestar contrário à ferrovia que deve cortar a floresta Amazônica para ligar Sinop aos portos do Pará.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Governador entrega 270 ônibus escolares para 76 municípios de Mato Grosso

O governo estadual entrega, nesta quinta, 270 novos ônibus...

Sinop: 288 famílias recebem chaves dos apartamentos do Nico Baracat amanhã

As chaves de 288 apartamentos serão entregues para as...

Morre ex-presidente do Tribunal de Justiça e ex-secretário em Mato Grosso

O desembargador aposentado do Tribunal de Justiça de...
PUBLICIDADE