Política

Assembléia começa “manobra” para aumentar número de deputados

O presidente da Assembléia Legislativa, Silval Barbosa, defendeu hoje de manhã aumento no número de vagas de 24 para 27 deputados. O assunto é polêmico porque também implica em gastos maiores no legislativo estadual. Na opinião do presidente, a Assembléia Legislativa já comporta 27 parlamentares. A um ano da eleição de 2006, onde praticamente 90% dos atuais deputados buscarão a reeleição, o aumento de vagas começa a ganhar corpo. Silval mencionou a possibilidade de se instalar uma comissão especial para acompanhar os debates.

Na sessão de hoje, o deputado J. Barreto (PL) sugeriu que o assunto seja discutido com a União Nacional dos Legislativos Estaduais (Unale). Barreto disse em Mato Grosso deve ser revisto o número populacional com o IBGE para embasar aumento nas vagas de deputados e de vereadores.

O aumento no número de deputados custará, anualmente, as cofres públicos, R$ 3 milhões. Cada deputado estadual ganha R$ 9,5 mil