Polícia

Sinop: professor é ameaçado de morte e direção pede para polícia investigar

A direção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) está pedindo investigações à Polícia Civil quanto as ameaças que alguns alunos da unidade vem sofrendo em redes sociais. De forma anônima, as mensagens encaminhadas ameaçam um suposto ataque. Um professor também foi ameaçado de morte. Em um banheiro foi pichado que ele vai “morrer “e que eles iriam “escolher a forma do professor” morrer.

Em outro lado do banheiro também há ameaças. “Não se esqueçam, quero todo mundo aqui, amanhã. O horário é surpresa”. Essas ameaças foram escritas no banheiro masculino. Ao Só Notícias, uma tia de um aluno disse que isso “já vem acontecendo há mais ou menos um mês. Se é verdade não sei, porém, fico com medo. Amanhã, ele nem vai para escola. Ele está com muito medo”. Também foi pichado desenho com um atirador disparando contra uma ‘pessoa’.

Segundo boletim de ocorrência, que foi registrado ontem, na delegacia de Polícia Civil, as pichações com ameaças já vem ocorrendo desde julho. Até o momento, o responsável não foi identificado. A direção não apontou no documento policial nenhum suspeito.

Só Notícias/David Murba (foto: divulgação)