Polícia

Sinop: mulher denuncia homem por pagar programa sexual com cheque sem fundos

A mulher, de 47 anos, procurou a polícia para denunciar que trabalha como profissional do sexo, que atende em um bar localizado no bairro Jardim das Violetas e que fez um “programa” com um cliente, cobrou R$ 150 e recebeu em cheque.

Posteriormente, ela descobriu que o cheque estava sem fundos. A mulher decidiu, nesta segunda-feira, ir à delegacia municipal e registrar um boletim de ocorrência, pedindo providências para o caso. Não é mencionado, no boletim, se o cheque é do acusado ou de terceiro.