Polícia

Sinop: consultor tem WhatsApp clonado e estelionatário tenta aplicar golpes

O denunciante, de 29 anos, morador do bairro Jardim Botânico, procurou a delegacia de Polícia Civil, ontem, para registrar boletim de ocorrência informando que seu WhatsApp foi clonado e um estelionatário está tentando aplicar golpes em seus contatos. Ele contou aos investigadores que fez o anúncio da venda de uma moto, em um site, posteriormente alguém lhe ligou e recebeu no celular mensagem pedindo para confirmar o código do aplicativo. Na sequência, o telefone foi bloqueado.

Ainda de acordo com o denunciante, que é consultor de vendas, várias contatos começaram a receber mensagens se passando por ele e pedindo dinheiro. Ao comunicar o caso para a polícia, não soube informar se alguém chegou a fazer algum depósito.

Em Sorriso, um homem, de 36 anos, informou na delegacia, esta semana, que teve prejuízo de R$ 1,5 mil ao cair em golpe de estelionatário, que clonou o WhatsApp do pastor da igreja que frequenta e pediu dinheiro emprestado.

O denunciante disse aos investigadores que só descobriu que se tratava de um golpe quando recebeu uma mensagem em um grupo relatando que aplicativo de mensagens do pastor havia sido clonado.

 

Só Notícias/David Murba (foto: Só Notícias/Guilherme Araújo/arquivo)