quinta-feira, 13/junho/2024
PUBLICIDADE

Recuperadas duas carretas com cargas avaliadas em R$ 1,5 milhão no Estado

PUBLICIDADE

A Polícia Civil recuperou duas carretas carregadas de defensivos agrícolas, com as cargas intactas, na BR-364, aproximadamente 10 km depois do posto fiscal da Polícia Rodoviária Federal, próximo a Cuiabá. A carga está avaliada em cerca de R$ 1,5 milhão. Os motoristas foram localizados à beira da estrada, a poucos quilômetros de distância. Eles foram conduzidos à Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva), para esclarecimentos.

Segundo as vítimas, os roubos ocorreram na madrugada de sexta-feira (23). Uma das carretas foi tomada de assalto próximo a Jaciara e a outra na Serra de São Vicente, em direção a Cuiabá. Próximo a capital mato-grossense, os criminosos tentaram desativar o rastreador, mas como não conseguiram abandonaram as carretas e as vítimas no local.

A Polícia Civil trabalha para identificar a quadrilha que está atuando em Mato Grosso com roubos de carretas na modalidade "Homem-Aranha". "Nessas ações, os criminosos usam um carro para se aproximar da carreta em movimento e um deles, o ‘Homem Aranha", pula do veículo para a carreta. Em seguida, ele bloqueia os freios do caminhão utilizando uma peça mecânica chamada ‘mão-amiga", obrigando o motorista a parar imediatamente", disse um dos policiais da unidade.

Com a carreta parada, os comparsas abordam o motorista e efetuam o roubo.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Preso em Goiás mandante do homicídio de ex-secretário de Mato Grosso

Uma ação conjunta das Polícias Civis de Mato Grosso...

Homem cai em golpe ao tentar comprar equipamento na internet em Sinop

O homem, de 51 anos, relatou aos investigadores de...

Preso em Mato Grosso suspeito de estuprar duas crianças de 10 e 11 anos

Policiais da Delegacia de Defesa da Mulher, Criança e...

Empresário morre após receber descarga elétrica no Nortão

Um homem morreu, esta manhã, enquanto prestava serviços de...
PUBLICIDADE