Polícia

Presos vigias que furtaram R$ 180 mil de supermercado em Sinop

A Polícia Civil de Sinop prendeu dois funcionários envolvidos no arrombamento e furto no Supermercado Machado, na avenida dos Tarumãs. O vigia Orlando Vieira da Silva, 40 anos, e outro segurança Carlos Alberto Araújo, 26 anos, são acusados de furtar um malote com R$ 180 mil em cheques, dinheiro e vale compras.

O delegado Herodoto Fontenelle comandou as investigações. Ele chegou no supermercado e suspeitou do vigia, que estava nervoso. Orlando foi interrogado e não demorou muito para confessar que estava envolvido no furto e entregou o segurança Carlos. O vigia confessou que deu cobertura para Carlos. Os dois combinaram que o assalto seria às 02:00hs de domingo. A polícia conseguiu prender Carlos Araújo, ontem, no bairro São Cristóvão.

“Foi recuperado parte dos cheques e parte em dinheiro. A empresa nos informou que em dinheiro foram furtados R$ 43 mil. Foram recuperado cerca de R$ 37 mil. Carlos levou os cheques e vale compras para o mato e os queimou. O dinheiro estava escondido em uma caixa de sapato lacrada, na casa do pai dele, no São Cristóvão”, explicou o delegado.

“Carlos insinuou para a equipe de policiais ficasse com R$ 2 mil e esquecesse o negócio. Não foi uma tentativa de suborno direta e não temos condições de indiciá-lo por corrupção ativa”, explicou o delegado. Os dois vão responder processo por furto qualificado.