Polícia

Presos acusados de fazerem família de policial refém em Mato Grosso e apontarem arma para criança

Policiais do 4º Batalhão prenderam, hoje, dois homens de 23 e 19 anos por roubo, ameaça, sequestro e resistência, em Várzea Grande. A dupla foi presa após render uma família em uma residência no centro da cidade.

Por volta das 6h, os policiais foram acionados para atender uma ocorrência de roubo, na região central. No local, a Polícia Militar encontrou uma das vítimas, que relatou que junto com a esposa foi surpreendido pelos dois suspeitos, que anunciaram o roubo à residência da família.

No momento da abordagem, a esposa correu para trás da casa e ligou para a PM. O morador foi rendido e os suspeitos observaram que a vítima, que é policial militar da reserva, portava uma arma de fogo na cintura. Os criminosos ameaçaram o PM e pediram a arma dele.

Os suspeitos entraram no imóvel, e renderam o restante dos familiares. As vítimas relataram que os suspeitos foram agressivos e chegaram a colocar a arma de fogo na cabeça de uma criança de 10 anos, neta do morador da residência.

Ao chegar no local, a PM flagrou os dois suspeitos ainda na casa. Eles foram presos e conduzidos para a Central de Flagrantes. Os policiais constataram que um dos homens presos participa de golpes via internet. A ocorrência foi entregue para a Polícia Civil.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)