Polícia

Presa acusada de colocar fogo no marido no Médio Norte

Uma mulher acusada de colocar fogo no corpo do marido, esta manhã, em Tangará da Serra (239 quilômetros Médio Norte de Cuiabá) foi presa em flagrante pela Polícia Civil, logo após cometer o crime. A suspeita, de 28 anos, estava  próximo a unidade de saúde em que a vítima está internada e autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificada por meio insidioso e uso de fogo.

O homem está internado em estado grave de saúde com cerca de 40% do corpo queimado. A prisão da suspeita ocorreu logo após a equipe da Polícia Civil de Tangará da Serra ser acionada para atender a ocorrência de um homem que havia entrado na Unidade Pronto Atendimento com graves queimaduras pelo corpo.

A vítima apresentava queimaduras de 1º grau, está intubado e seu estado de saúde considerado grave. Durante o atendimento da ocorrência, os policiais civis identificaram a esposa da vítima como a autora da tentativa de homicídio. A suspeita foi localizada logo em seguida, nas proximidades da UPA, e ao ser abordada, confessou que ateou fogo no marido.

Questionada, ela alegou que na noite anterior, o marido havia a agredido, hoje iniciaram uma nova discussão. A vítima então foi para o banheiro, ocasião em que a suspeita ficou o aguardando com uma bacia com álcool e fósforo, sendo a vítima surpreendida no momento em que saia do recinto. Mesmo após ter o corpo em chamas, a vítima foi dirigindo até UPA, onde foi socorrida.

Segundo o delegado, Adil Pinheiro de Paula, a suspeita alegou que ateou fogo no marido para se defender, porém a versão não convence, uma vez que ela ficou aguardando para atacar a vítima. “Ela aproveitou o momento em que a vítima saiu do banheiro para jogar o álcool e em seguida o fósforo aceso. Como na primeira tentativa o fósforo não pegou fogo, então ela acendeu um segundo palito, conseguindo incendiar o corpo da vítima”.

Redação Só Notícias (foto: assessoria/arquivo)