Polícia

Polícia de Nova Mutum ajuda na prisão de criminoso durante operação

Uma operação integrada com objetivo de combater a criminalidade, em especial ocorrências de roubos, furtos e tráfico de drogas, foi deflagrada pela Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar no município de Arenápolis (258 quilômetros de Cuiabá).

A ação, realizada pelas equipes de policiais civis e militares de Arenápolis e Nortelândia, faz parte do cronograma da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) e contou com apoio do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) da Delegacia Regional e Força Tática de Nova Mutum.

Durante os trabalhos foi realizada a prisão do suspeito apontado como autor de diversos furtos ocorridos durante a semana no município. Segundo as investigações, o suspeito já conhecido da polícia foi visto pulando o muro de uma das residências furtadas.

Os furtos chamavam a atenção uma vez que o suspeito furtava apenas joias, e Luan, que saiu da cadeia há menos de um mês agia da mesma forma quando em liberdade.

Com informações do local onde o suspeito estaria escondido, as equipes das Polícias Civil e Militar foram até o endereço, ocasião em que o procurado empreendeu fuga, correndo e efetuando disparos de armas de fogo contra os policias.

Durante a perseguição, os policiais encontraram o revólver calibre 38 dispensado pelo suspeito com 5 munições (2 deflagradas e 3 intactas). A prisão do suspeito foi realizada em uma casa, onde foi apreendido mais um revólver (calibre 32) e várias joias furtadas de uma residência na quinta-feira (05) e em outras ocasiões.

Na casa, também foram encontrados menores de idade que foram conduzidos à delegacia para serem ouvidos em declarações. Diante das evidências, após ser interrogado foi autuado em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e munições, receptação e corrupção de menores.

Redação Só Notícias