domingo, 26/maio/2024
PUBLICIDADE

PF de Mato Grosso confirma mais 3 presos por fraudes

PUBLICIDADE

O delegado Bernardo Bond, que preside as investigações do inquérito da Operação Bismarck, confirmou agora há pouco, a prisão de mais duas pessoas, envolvidas em fraudes do seguro desemprego em Mato Grosso, que estavam foragidas. Um homem foi preso em Goiás. Um casal se entregou ontem no fim da tarde na sede da Superintendência de Polícia Federal em Mato Grosso.

Agora são 43 pessoas presas desde a deflagração da Operação- 18 deles em Cuiabá, Várzea Grande, Cáceres e Rondonópolis. Entre os envolvidos estão ex-servidores do Ministério do Trabalho e ex-funcionários da Caixa Econômica Federal. Ainda hoje, o delegado encaminha relatório do inquérito para parecer do Ministério Público Federal, que deve se pronunciar sobre a conversão da prisão temporária em preventiva, explica a assessoria da Polícia Federal. É que a prisão temporária tem prazo de legal de 5 dias prorrogáveis por mais 5, enquanto a preventiva tem prazo de 30 dias, também prorrogáveis.

As fraudes foram superiores a R$ 15 milhões, de acordo com a PF.

 

 

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Força Tática apreende adolescente com porções de cocaína e maconha em Sinop

Equipes da Força Tática apreenderam um adolescente de 17...

Homem invade residência e mata adolescente a tiros no Médio Norte

Uma adolescente de 17 anos foi assassinada a tiros,...

Mulher desfere facadas no esposo em Sorriso

Um jovem de 24 anos foi encaminhado ao hospital...

Discussão por causa de som alto termina com dois baleados em Sorriso

Um homem e uma mulher foram socorridos e encaminhados...
PUBLICIDADE