Polícia

Perícia aponta falha mecânica em acidente com dois mortos em Sinop

A perícia oficial e de identificacão técnica de Sinop apontou uma falha mecânica causa do acidente ocorrido no dia 14 do mês passado, na BR-163, próximo ao Alto da Glória, onde uma picape Nissa, da Secretaria de Estado de Saúde (SES), chocou-se de frente com um caminhão graneleiro Mercedes Benz branco e vitimou Edílson Ramos da Cruz, 41 anmos, e Wilem Chmieleski, 54, ambos servidores da secretaria, que estavam na camionete.

Segundo o laudo apresentado pela perícia, ao qual o Só Notícias teve acesso em primeira mão, “o pivô superior da bandeja da suspensão da picape, uma Nissan Frontier 2004, teria se soltado e batido no asfalto, fazendo com que o motorista perdesse o controle do veículo e se chocasse com o caminhão, um Mercedes Benz L 1519”, ano 1978. dirigido por Juvenal Zuanazi. Os peritos relatam que “é muito provável que o pivô superior tenha estourado momento antes do referido acidente”. Também relataram que “é muito provável que a falta de manutenção do veículo (caminhonete) ou até mesmo desgaste prematuro do pivô, que não é descartado, tenha causado o desgaste do pivô superior”.

Cinco dias após este acidente, no dia 19 de junho, a Nissan do Brasil divulgou nota chamando os proprietários das caminhonetes modelo Frontier e Xterra fabricada entre 2002 e 2004 para um recall (troca de peças) da bandeja inferior da suspensão dianteira dos veículos.
O defeito informado pela concessionária era na bandeja superior e não na inferior, que causou o acidente, mas o perito confirma que o possível desgaste da peça tenha sido causado pelo mesmo motivo apontado pela fábrica no caso da peça defeituosa.